Sal de cozinha a escolha certa para aquário de água doce?

Todo praticante deste hooby já ouviu varias recomendações sobre o mito do sal de cozinha (NaCI), em aquário. O sal de cozinha pode trazer alguns benefícios sim ao aquário de água doce, se utilizado da forma certa  e para a causa certa, assim como qualquer descuido pode trazer vários malefícios.

 Ao longo destes 10 anos de aquarismo já vi muitas experiência com sucesso e muitas desastrosas, então antes de prosseguir deixo meu ponto de vista simples e prático: AQUÁRIO DE ÁGUA DOCE É AQUÁRIO DE ÁGUA DOCE JUSTAMENTE POR NÃO TER SAL. Se estás disposto a correr os risco e colocar seu aquário em risco faça isto de modo consciente, se for utilizar NaCI utilize apenas em seu aquário hospital jamais em seu aquário principal.




O sal de cozinha (NaCI), ajuda a controlar  umas POUCAS  doenças externas como íctio e costíase. Fungos, bacterioses e alguns outros patógenicos externos não são controlados com sal de cozinha. É utilizado com sucesso no tratamento de Lerneose (verme ancora), e de Argulose (espinhas brancas), lembre-se é de suma importância tomar cuidado com a dosagem para evitar problemas futuros, no caso da Lerneose e da Argulose, use uma concentração de 5% de água, em banhos de 1 (um) minuto durante 3 dias.

Também muito utilizado por muitos aquaristas criadores de Discos  no tratamento de Guelras (Gyrodactylus e Dactylogyrus), onde o peixe é submetido a uma solução de 70 gramas de sal para cada 3 litros de  água  em banhos de  30 minutos, tome o cuidado  de observa-lo durante este tempo e faça isso em um aquário hospital SEMPRE.

Peixes como; Coridoras, Tamboatás, Brochis, Loricarpideos e outros que possuem  o corpo revestido por placas ósseas no lugar de escamas NÃO DEVEM SER EXPOSTOS A TRATAMENTOS COM NaCI, pois possuem uma camada muito fina  de muco epitelial externo, a exposição ao sal pode leva-los a morte por desidratação rapidamente, devido a grande diferença osmótica criada. Já em casos como da Molinesia, Mexericas, Baiacus, Peixe Vidro Indiano, Abelinha entre outros  que gostam  de águas salobas o sal se torna um grande aliado.

Resumindo em aquários de água doce  a presença de sal de cozinha (NaCI) pode causar um grande stress fisiológico aos peixes devido  a presença excessiva de sal , ou seja o peixes que desenvolveram por milhares e milhares de anos em uma água baixissíma de sais, ficam tentando criar defesas ao excesso de sais criando assim um grande stress entre eles.

Por fim existem muitas informações desencontradas sobre a utilização do sal de cozinha (NaCI) em aquário de água doce, o importante é saber filtrar estas informações JAMAIS  adicione sal em seu aquário porque ouviu alguém falar que é bom pra X ou Y, procure sempre orientação do seu aquarista, e para de ser do "contra" a natureza  demorou milhares de anos para moldar a necessidade especifica para cada espécie, água doce, água salgada ... pense nisso.

Minha dica é a seguinte:

* NÃO adicione sal em seu aquário de água DOCE,
*Invista em um bom SISTEMA DE FILTRAGEM,
*Mantenha sempre a BOA QUALIDADE  da água do seu aquário.
*Ofereça uma BOA ALIMENTAÇÃO  a seus peixes,
* Não cause uma SUPER POPULAÇÃO  em seu aquário,
* Observe sempre  NECESSIDADE DE CADA ESPÉCIE, (densidade, ph),
*Ao ter problemas relacionados a DOENÇAS procure medicamento existem muitos a disposição no mercado. Deixe os MITOS  de lado e siga sempre a orientação de um profissional.


        Bem galerinha por hoje é só... Gostaria de agradecer ao Cleber que possue um aquário digno de inveja mérito de quem o projetou (brincadeira) meu fiel seguidor de anos pelas inúmeras indicações e pelos elogios gerado a minha pessoa. Viu cabeção agora não fala mais que nunca citei tu em meus posts FIEL ESCUDEIRO (4 X 0) .

Abraços
Juci Diass

2 comentários:

  1. Muito legal suas orientações, alem de quebrar alguns mitos você forneceu as orientações exatas para os amantes dos peixinhos.
    Abraços forte

  1. Sissym disse...:

    Desde o falecimento de Pig Will, ainda nao tive coragem de ter outro filho peixe. Mas a dica é importante.

    Em tempo: Lola tá com caspa e li que tem a ver com alimentação. Já voltei a dar a ela comidinha de madame....

Postar um comentário